Flagpole: pode ou não pode?

Apesar de não ser instrução oficial da imigração canadense, o ‘flagpole’ é comumente utilizado para quem busca validar um novo estado imigratório. A expressão é utilizada para descrever o processo de saída do Canadá em uma das fronteiras com os Estados Unidos para ter o novo status validado, como por exemplo quem está com visto de estudante e após o término dos estudos é elegível para obter a permissão de trabalho, para validar a permissão de estudos ou quem está como visitante e recebeu a confirmação da residência permanente.

Como já tínhamos comentado no post sobre planejamento da vinda para o Canadá, os estudantes de curso superior no país (não vale idiomas) em período integral de pelo menos um ano podem ser elegíveis a receber um ano de permissão de trabalho. Quem estuda nas mesmas condições em cursos completados em dois anos, podem ser elegíveis a até três anos de visto de trabalho aberto (Open Work Permit).

E como funciona o ‘flagpole’? Conversamos com um recém-graduado que realizou o procedimento no dia 31/Agosto para obter sua permissão de trabalho e contou para nossa equipe como foi o processo. Ele fez por terra, na fronteira entre as cidades de Surrey/BC e Blaine/WA, mas você pode encontrar a fronteira mais próxima aqui.

Nota: as fronteiras tem procedimento diferentes e algumas restringem os horários em dias que ‘flagpoles’ são aceitos.

Dos documentos necessários, é preciso ter em mãos:

  • Passaporte válido;
  • Transcript oficial da instituição includindo o título recebido após o término do curso;
  • Credencial da instituição (diploma, certificado etc);
  • Carta de graduação;
  • Prova de status válido no Canadá, como permissão de estudos;
  • Levar 255 dólares canadenses em dinheiro ou cartão de débito (melhor levar os dois para garantir).

Caso seu visto canadense não esteja mais válido, é possível re-entrar com a permissão de estudos se ela estiver dentro da validade.

Ao chegar na fronteira do Canadá, procure um oficial do lado de fora do escritório explicando que está aplicando para permissão de trabalho e precisa re-entrar no Canadá. Eles indicarão o caminho correto para chegar ao lado americano. Já nos Estados Unidos, procure também falar com um oficial do lado de fora do escritório com a mesma explicação e eles indicarão o lugar correto para se dirigir. Ao chegar no escritório indicado, diga ao oficial que não está procurando entrada nos EUA, mas sim em processo de ‘flagpole’. O procedimento ficará registrado na imigração americana como NOT SEEKING FOR ENTRY, o que significa que você foi até lá sem buscar entrada, e você receberá um comprovante com essa informação para que possa retornar ao Canadá.

Mesma coisa na volta, procure o auxílio de um oficial canadense do lado de fora do escritório, mostre o comprovante dizendo que busca a re-entrada e eles indicarão o caminho. Ao chegar no guichê, diga que veio aplicar para a permissão de trabalho. Caso questionado(a) do porque não ter feito online, é só explicar que leu no site da imigração canadense que é possível obter tão permissão (chamado PGWP) em qualquer ponto de entrada (POE = port of entry).

O pedido de permissão de trabalho após os estudos pode ser feito online diretamente no site da imigração canadense, mas o prazo para retorno da permissão pode ser de até 60 dias, enquanto na fronteira o documento é emitido na hora.

As perguntas do oficial podem variar, mas lembre-se que o importante é ser honesto(a). Entregue a documentação e explique os termos de estudos da instituição para o curso em período integral, como foram os estudos e qual a duração completa do curso. É importante lembrar que nem toda instituição dá elegibilidade ao PGWP (Post-Graduate Work Permit), mas esse é um detalhe que você deve buscar saber ao escolher o curso e a faculdade, caso a intenção seja trabalhar no Canadá após os estudos.

Caso a entrevista seja um sucesso, você receberá a permissão de trabalho aberto e deverá se dirigir ao caixa para efetuar o pagamento da taxa. O tempo total da permissão fica sempre à critério do oficial, então para que após dois anos de estudos você obtenha três anos de visto de trabalho, mostre que o maior período será importante para seu progresso no país e no processo de imigração.

Este post foi escrito em total colaboração com nosso amigo Julio, que agora está feliz da vida porque pode procurar um emprego em período integral e começar uma nova fase aqui no Canadá. Nada deixa nossa equipe mais feliz!

 

Fonte: https://www.canada.ca/en/immigration-refugees-citizenship/services/study-canada/work/after-graduation.html

 

 

 

 


3 comentários sobre “Flagpole: pode ou não pode?

  1. Ola! Obrigada pelo post, bastante esclarecedor. Gostaria de esclarecer a parte em que citou que “Caso seu visto canadense não esteja mais válido, é possível re-entrar com a permissão de estudos se ela estiver dentro da validade.”; existe essa informacao em algum lugar no site do governo canadense? Estou procurando uma confirmacao oficial disso e nao encontro! Meu marido ta com o visto vencido, mas tem Work Permit ate 2021… voces pegaram essa informacao do site deles?
    Obrigada 🙂

    Curtir

    1. Oi Charon, você somente pode ir até os EUA e voltar. Essa regra não vale para viagens internacionais ou que tenha escala em outro lugar.

      Expired temporary resident visa

      You can request to return to Canada on your original temporary resident visa, even if it is expired, if:
      you will only visit the U.S. or St. Pierre and Miquelon; and
      you will return to Canada before the end of your approved stay in Canada.

      http://www.cic.gc.ca/english/helpcentre/answer.asp?qnum=527&top=15

      Lembrando que toda entrada no Canadá fica sujeita a análise da autoridade na fronteira.

      Espero ter ajudado 🙂

      Curtir

  2. Ajudou sim, com certeza! Muito obrigada pela resposta rapida e pelo compartilhamento do link – ja imprimi a pagina e trarei com a gente quando fizermos o “flagpole” para o PR.
    Acredito que se aplica a gente sem problema algum porque teremos o COPR e pretendemos ir nos EUA e voltar no mesmo momento para concretizar o “landing” (por Niagara Falls).

    Obrigada mais uma vez!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.